BLOG

Todos Artigos Colchão BioOrthus Colchão Magnético Cama Articulada

Como lidar com a privação do sono na maternidade

Muitas transformações acontecem na vida dos casais quando eles se tornam pais. E se engana quem pensa que essas mudanças impactam apenas a vida dos considerados âpais de primeira viagemâ, pois cada um dos filhos é único, e isso significa que proporcionará experiências distintas à família também.

Nesse sentido, a privação de sono pode ser considerada uma das alterações mais impactantes para a família toda, mas, especialmente para as mães. Isso porque, além de precisar se adaptar à rotina do recém-nascido, e às necessidades dele, a mãe ainda precisa cuidar da própria recuperação do parto, e lidar com os hormônios desregulados.

à importante destacar que a família precisa se organizar o quanto antes, estudando e criando uma nova rotina para prevenir os efeitos da privação do sono. Isso porque, quando uma pessoa não consegue dormir o tempo suficiente para manter o organismo saudável, ela acaba propensa a doenças. E isso pode acabar prejudicando a família toda, incluindo o recém-nascido.

Algumas consequências da privação do sono:

- Cansaço extremo;

- Aumento da pressão arterial;

- Aumento dos casos de arritmia;

- Agravamento das dores crônicas;

- Ganho ou perda de peso;

- Prejuízos psicológicos, como a perda da concentração e da memória;

- Agravamento do quadro de diabetes;

- Irritabilidade;

- Aumento dos riscos de depressão.

Como lidar com a fase de adaptação

Muitos pais acabam encontrando soluções por conta própria, e conseguem diminuir os efeitos da privação de sono de maneira saudável. Outros precisam buscar a ajuda de familiares, profissionais da saúde, ou até mesmo contratando uma babá ou empregada para dividir as tarefas e tornar a rotina mais leve. Não há receitas, ou regras. Cada família deve agir como puder, e preferir.

Algumas atitudes, no entanto, costumam ajudar as famílias nessa fase. Elas demandam apenas paciência, dedicação e união. O fato é que quando os pais tomam conhecimento da rotina do recém-nascido, observando os horários das sonecas, troca de fraldas e mamadas, por exemplo, fica mais fácil para a mãe conciliar o sono com o bebê e descansar.

Outra atitude que pode fazer toda a diferença é a divisão das tarefas e compromissos da casa entre os parceiros, e até filhos mais velhos. Isso inclui as trocas de fraldas do bebê e a missão de colocá-lo para arrotar.

Sobre o recém-nascido, também é importante destacar que o bebê terá suas preferências, mas os pais podem interferir em algumas situações, evitando, por exemplo, que ele tire uma soneca em horário próximo ao do sono da noite. Assim, haverá mais chances dele dormir a noite toda e os pais descansarem mais, e com qualidade de sono.

Fonte: Hospital e Maternidade Domingos Lourenço

• Porque escolher o Bio Orthus?• Clientes que comprovam a qualidade da Novo Colchão• Quais são os vilões e os heróis do sono?• Fadiga pandêmica: quais são os efeitos da pandemia na nossa saúde mental?• A má qualidade de sono pode aumentar os riscos de desenvolver doenças cardíacas• Um colchão ruim pode dar, literalmente, dor de cabeça• Como lidar com a privação do sono na maternidade• Há 140 anos surgia o primeiro colchão estofado com algodão• Riscos e benefícios de dormir com o pet na cama• As cores e a influência sobre o comportamento

localização

Bruno Werner Storck, 970 - Canudos - Novo Hamburgo/RS CEP.: 93544-360

Telefone: (51) 3097-0379 e-mail: novocolchao@novocolchao.com.br

© Novo Colchão 2022 - Todos os direito reservados. by Daniel Labres.